Quem possui muitos relógios deve manter todos com corda? – SPhD responde #1

No domingo passado conversávamos no grupo Seiko Brasil a respeito do novo vídeo postado em nosso canal no YouTube quando o amigo Jared da Foutoura Carvalho fez uma pergunta bastante interessante: – quem possui mais relógios tenta manter todos com corda ou os deixa parar e ajusta quando for usar?

Comecei a responder por lá, mas como essa pergunta já me foi feita outras vezes e a resposta ficaria longa, resolvi redigir este breve artigo que não estava em nosso cronograma, mas inaugura uma série que venho planejando há algum tempo, a “SPhD responde“, onde selecionarei perguntas de nossos amigos leitores e trarei aqui, no SeikoPhD.

seiko kinetic velatura direct drive srh001_seikophd
Seiko Kinetic Direct Drive Velatura SRH001. Foto: bidorbuy.co.za

Em relação à questão abordada pelo Jared, bem, no geral quem possui uma grande quantidade de relógios – mecânicos – acaba mantendo suas peças paradas e realiza os devidos ajustes no momento em que for utilizar aquele modelo, especialmente por dois motivos:

  1. Manter todos funcionando demandaria um móvel com diversos casulos destinados a essa função, como na imagem abaixo, o que é bastante dispendioso em qualquer lugar do mundo, e no Brasil há aquele “plus” que conhecemos;
  2. Um relógio funcionando o tempo todo sofrerá mais desgaste, é como deixar um carro rodando 24h. As manutenções serão adiantadas e as peças sofrerão com o atrito ininterrupto, diminuindo a vida útil no geral.
Automatic-watch-winder__Seiko phd
Móvel enrolador de relógios automáticos. Foto: jetsetmag.com

Então eles ficam normalmente parados mesmo, preferencialmente em um local fresco e sem circulação de poeira. Essa é a forma mais usual e saudável, entretanto os óleos e lubrificações acabam se assentando por ação gravitacional, então pelo menos a cada dois ou três meses (no máximo!) o relógio precisa ser utilizado para espalhar essa lubrificação, tratei do assunto em profundidade aqui.

Para atenuar essa questão eu tento movimentar meus relógios ao menos uma vez por mês, embora nem sempre consiga. É o melhor caminho, pois o relógio seco, ou seja, com a lubrificação assentada, vai sofrer um pequeno desgaste – pouco significante a curto prazo – que pode ser facilmente evitado.

Seiko 6117-6410 de 1974_Seiko em Pauta
Seiko 6117-6410 Navigator Timer de 1974. Foto: pinterest.com

Além disso, esse armazenamento de uma quantidade maior de relógios acaba sendo outra razão para grande parte dos colecionadores preferir relógios mecânicos, pois os modelos a quartzo têm o complicador da necessidade de troca quase anual da bateria, ou seja, pode ser que você os guarde e quando precisar utilizá-los eles estarão descarregados.

Ademais, ainda há o risco da bateria vazar ou estourar, o que normalmente inutiliza o mecanismo. Vi relatos recentes de um colecionador de médio porte de relógios Citizen Aqualand que perdeu quatro de suas peças em um período de três meses por conta desses vazamentos. É o risco dos modelos a quartzo. Você já toma esses cuidados? Possui relógios a quartzo na coleção? Comente abaixo.

Compartilhe esta publicação com seus amigos e ajude a difundir a horologia. Assine também nossas notificações por e-mail, inscreva-se em nosso canal no YouTube, junte-se a nós no Facebook e nos acompanhe no Instagram. Forte abraço!

32 comentários em “Quem possui muitos relógios deve manter todos com corda? – SPhD responde #1

Adicione o seu

  1. Muito bom, Ramon. Já perdi um relógio a quartzo baratinho por problemas com a bateria.
    Aproveito pra perguntar: quais seriam os diferentes tipos (ou níveis) de uma manutenção preventiva? Há manutenções eficazes sem desmonte completo do maquinário? Quando eu deveria realizar uma ou outra manutenção?
    Abraço!

  2. Excelente, Ramon ! Fico mais tranquilo ao saber que o tratamento que dou à minha coleção é adequado, e recomendado por um especialista do assunto.
    Forte abraço.
    Arnaldo

  3. Ramon,
    Bom dia! Não tenho tantos relógios assim então acabo usando os meus cinco algumas vezes por mês. Mas muito boas as dicas, estão anotadas. Abraço e obrigado.

  4. Bom Dia! Bom saber que então ajo de maneira correta com os meus mecânicos e de corda aqui em casa! Grande Abraço!!

  5. Bom dia. Tenho preferência pelos relógios mecânicos e os a quartzo que tenho são todos Ecodrive justamente para não ter que trocar pilhas. O mais velho deles tem uns 12 anos e está firme e forte. Quando for levar para manutenção atentarei principalmente para a guarnição que resseca com o tempo.

    1. Olá Frederico!
      Excelente iniciativa meu amigo, precisa estar atento mesmo, nossos relógios merecem o devido cuidado.
      Abraço!

  6. Salve meu amigo Ramon!
    Muito bacana abordar esse tópico!
    Tenho umas meia dúzia de relógios quartz e um ecodrive dos quais comprei 2 deles, outros foram presentes ou vieram em negócios, mas a preferência são os mecânicos, sem dúvida. O relógio mecânico pode ser recuperado independente de outras tecnologias, acentuado assim a longevidade. Por isso vemos relógios sexagenários, septuagenários em pleno funcionamento, mas para isso precisam destes cuidados.
    Guardo meus relógios em estojos com a tampa de vidro, assim ficam visíveis e posso monitorar os quartz. Em cada casulo mantenho um sachê de sílica, o que ajuda no combate a umidade e procuro não deixar os mecânicos chegarem a 4 meses sem uso, usando o relógio pelo período de uma semana ou 3 ciclos. Mesmo que o intercale em um dia da semana com um quartz, pois geralmente a reserva de marcha passa das 36 horas. No mais, aquela preventiva a cada 5 anos ajuda mantê-los com saúde.
    Mas que sonho esse watch winder furniture da foto hein!
    Mais do que colecionar, é preciso saber cuidá-los e vejo essas preocupações nitidamente nas matérias aqui do Seiko PhD, muito obrigado por compartilhar!
    Forte abraço.

    1. Olá Junior! Tudo bom?
      Esse cuidado que você mencionou é primordial, a revisão a cada 5 anos vai assegurar décadas de uso sem o menor problema meu amigo.
      Obrigado pela costumeira gentileza, forte abraço e ótima semana!

  7. Olá, Ramon, boa tarde, tudo bem? Eu mantenho meus relogios automaticos em funcionamento pelo menos 1x ao mes. Quanto aos Quartz (agora não possuo mais nenhum), já comentei uma vez aqui no SeikoPhD que perdi um G-Shock que ganhei do meu irmão por problema de vazamento da bateria, que afetou o mecanismo analógico. E um amigo me relatou que possuia um Citizen EcoDrive (com menos de 1 ano de uso) e deixou guardado por 4 ou 5 meses sem ver a luz natural ou artificial e que quando foi usa-lo, estava parado. Trocou o capacitor e foi alertado pela assistencia técnica que não se deve deixar “zerar” a bateria desse tipo de mecanismo. Ao menor sinal de bateria fraca (aquele famoso “pulo” de 2 em 2 seg do ponteiro), colocar para carregar na fonte luminosa. Mais um excelente artigo. Grande abraço.

    1. Olá Carlos! Tudo bom?
      Eu me recordo dessa fatalidade com o G-Shock, uma pena mesmo, infelizmente essas coisas acontecem e os quartzos demandam uns cuidados a mais.
      Usando os automáticos 1x por mês está excelente, vão durar séculos.
      Abraço meu amigo!

      1. Boa noite, Ramon!
        Sou um pequeno colecionador de relógios e agora entrei pra linha Seiko, que por sinal é uma excelente marca que eu não conhecia, logo de cara já comprei 3 peças desde janeiro deste ano, dois solares novos e um automático usado. Gostei muito da matéria com relação a pergunta do nosso colega Jared sobre o uso e manutenção dos relógios, vou prestar mais atenção nas minhas jóias pra não ter surpresas desagradáveis, obrigado e um abraço!

      2. Olá Sidenei!
        Seja muito bem-vindo ao universo da Seiko e ao próprio SeikoPhD, é um prazer tê-lo por aqui.

        Começou com o pé direito! Já está com três modelos, parabéns meu amigo, a cada dia verá como esse novo mundo se abre mais e mais.

        Forte abraço!

  8. Boa noite Ramon, tudo bem?
    Chegou hoje em casa meu primeiro Seiko! Comecei a pesquisar e encontrei seu site!
    Meus parabéns! Os artigos que já consegui ler são excelentes.
    Queria saber se pode me dar uma ajuda com seus conhecimentos.
    Moro em uma cidade pequena, praticamente sem relojoeiros.
    E fui diminuir a pulseira dele (tirar alguns elos) e acabou não dando muito certo (o pino é bem diferente).
    O modelo é um Prospex Turtle Deep Blue.
    Teria alguma indicação de ferramenta que poderia usar para ajustar os elos da pulseira?
    O pino parece que tem uma “capinha” na ponta, que não está encaixando agora, e com isso o pino não pára mais.
    Querendo estrear o relógio e me acontece uma dessas.
    Se puder me ajudar fico grato.
    Abraço

    1. Olá Murilo! Tudo bem?

      Em primeiro lugar quero parabenizá-lo pela aquisição, sem dúvida um dos Turtles mais bonitos.

      O sistema utilizado em muitos diver’s da Seiko (inclusive Turtle) é chamado de “pins and collars” e consiste em um pino reto ou com uma “cabeça” em uma das extremidades e o tal “collar”, uma espécie de abraçadeira que fixa o pino no meio ou na ponta, como é o caso do Turtle.

      Olha, minha sugestão é para que leve seu relógio a um profissional, pois é facílimo perder alguns “collars” e não é tão simples conseguí-los.

      Digamos que seja realmente impossível entrar em contato com um profissional que realize o ajuste, bem, existem muitas formas de remover esse pino, estou para publicar um vídeo em nosso canal do YouTube, mas você pode se adiantar e pesquisar “Seiko turtle pin collar” no YT. Lá você encontrará alguns vídeos com o passo a passo.

      Qualquer dúvida estou à disposição, abraço!

      1. Grande Ramon!
        Nem sei como agradecer!
        Pesquisei os vídeos que você indicou e consegui ajustar em casa mesmo a pulseira!
        Ficou show!
        Obrigado!
        Grande abraço

      2. Que bom Murilo, fico feliz que tenha conseguido meu amigo.

        Aproveite seu relógio e volte mais vezes, é apenas a ponta desse universo chamado Seiko. Abraço!

  9. Boa tarde Ramon, para aqueles que possuem vários relógios mecânicos uma possível solução seria usar uma peça diferente durante a semana ou a cada dia utilizar um relógio diferente, assim conseguiria manter todos funcionando, forte abraço e obrigado pela dica.

    1. Olá Anderson!
      Ótima ideia meu amigo! Eu mesmo uso cada relógio por dois dias, mas se você tiver um certo número de peças já começa a ficar bem espaçado.
      Forte abraço!

  10. Excelente conteúdo, como sempre sanando as dúvidas dos amantes da relojoaria! Parabéns pelo artigo Ramon! Eu também mantenho essa média de 01 mês ativando cada relógio mecânico, então, estou no caminho certo! XD
    Grande abraço!!

  11. Grande, mestre Ramon. Mais uma vez trazendo assunto pertinente e de interesse público. Achei bem interessante e esclarecedor essa questão de quanto tempo deixar o relógio parado. 👍🤝 Essa outra questão das baterias vazarem nao tem tem muito o que fazer, já perdi um.

    Muito obrigado, Raimon.

    1. Olá Christian!
      Que pena saber que você perdeu um relógio assim, mas acontece; como você mesmo disse, o risco faz parte do “jogo” dos quartzos.
      Abraço meu amigo, obrigado!

  12. Boa noite, Ramon. Excelente artigo como sempre. Desde que comprei meu primeiro relógio automático não consegui mais adquirir nenhum à quartzo mais. Minha coleção possui uma gama de relógios de preços modestos que vem desde a minha infância e outros de gosto duvidoso e por isso mesmo não penso em vendê-los.
    Já anotei as dicas para os automáticos e vou iniciar esses cuidados o mais breve possível.

    1. Bom dia Eduardo!
      Obrigado meu amigo, fico feliz que tenha gostado do nosso artigo.
      Continue em frente com sua coleção, o preço das peças está longe de ser o mais importante.
      Grande abraço!

  13. Boa a tarde a todos e espero que estejam bem. Sempre olho meus relógios e marco sempre a data da troca de bateria. Tenho vários de bolso a pilha e procuro eu mesmo trocar as baterias que são mais baratas em relação ao relojoeiro. Já os de marca eu levo sempre no relojoeiro de confiança e os de corda a cada dois meses dou corda para funcionar e sempre falo foi uma das melhores coisas que o ser humano fez.

    1. Bom dia, Carlos!
      Excelente relato, concordo plenamente com você, meu amigo. Relógios são realmente incríveis.
      Forte abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑

%d blogueiros gostam disto: