Seiko Astron 50th Anniversary Limited Edition

Em 25 de dezembro de 1969, há quase cinquenta anos, a Seiko lançava o primeiro relógio de pulso movido a quartzo do mundo – tudo sobre a revolução do quartzo aqui. Foi um relógio que revolucionou a indústria relojoeira, ocasionou um verdadeiro rebuliço no mercado global e seu lançamento continua sendo um dos marcos mais importantes da história da Seiko.

O original Seiko Quartz-Astron de 1969. Fonte: divulgação Seiko.

O Seiko Quartz-Astron foi o primeiro e estabeleceu um novo padrão de relógios de pulso com uma taxa de precisão de ± 5 segundos por mês (100 vezes mais preciso do que qualquer outro relógio da época), possibilitada por vários avanços tecnológicos, incluindo o oscilador de quartzo em forma de diapasão e o motor de passo de tipo aberto, que ainda hoje são componentes padrão em todos os relógios a quartzo. A Seiko liberou a maioria de suas patentes logo após o lançamento e, como resultado, estima-se que 90% das população mundial utilize um relógio a quartzo com tecnologia Seiko atualmente, independendo da marca em seu pulso.

Seiko Astron GPS Solar 50th Anniversary LE. Foto: divulgação Seiko.

Em 2004 o Quartz-Astron recebeu o prêmio IEEE Milestone Award por sua contribuição inovadora, hoje amplamente usada não apenas na horologia, mas também em uma vasta gama de outras aplicações eletrônicas. O Seiko Quartz Astron é reconhecido como uma das grandes realizações tecnológicas do Japão, dando a toda a humanidade acesso a cronometragem de alta precisão e mudando a maneira como o tempo era contado em todo o mundo.

Seiko Astron GPS Solar 50th Anniversary LE. Foto: divulgação Seiko.

O nome Astron ressurgiu em 2012 quando foi lançado o primeiro relógio GPS Solar do mundo, contei detalhes desse fato na história completa da Seiko – aqui. Como seu antecessor, o Astron GPS Solar elevou a relojoaria eletrônica a novos níveis com sua capacidade de conectar-se à rede GPS e ajustar-se a todos os fusos horários com o toque de um botão, enquanto consome a energia necessária da luz, sem precisar da rotineira substituição de bateria – falei dessa tecnologia em detalhes aqui.

Seiko Astron GPS Solar 50th Anniversary LE. Foto: divulgação Seiko.

Este ano, no quinquagésimo aniversário do Quartz-Astron original, uma nova criação da coleção Astron GPS Solar presta homenagem ao seu célebre antecessor e reúne os dois avanços revolucionários que compartilham o nome Astron. Já mostramos por aqui alguns lançamentos que iniciaram as comemorações dessa importante data, mas nada comparado ao Astron GPS Solar.

Seiko Astron GPS Solar 50th Anniversary LE. Foto: divulgação Seiko.

Este novo relógio traz de volta à vida a forma e o design do Quartz-Astron de 1969 em sua totalidade. Tanto a elegância do célebre relógio quanto a sua característica futurista refletem-se na silhueta curva da caixa de 40,9 mm de largura por apenas 12,9 mm de espessura. Como no relógio de 1969 a caixa é em ouro amarelo 18 quilates entalhada à mão por artesãs japonesas. O mostrador possui uma sutil textura de linhas finas verticais, já os ponteiros e marcadores de horas são multifacetados e possuem uma delicada linha preta na superfície. Esse detalhe da linha preta é realmente lindo, sofisticado e chama minha atenção quando o observo em um relógio vintage. Uma submarca ainda acessível que possui esse tipo acabamento é a Seiko Bell-Matic.

Seiko Astron GPS Solar 50th Anniversary LE. Foto: divulgação Seiko.

Equipando este exclusivo Seiko Astron, o novo Calibre 3X22 é o cal. GPS Solar mais fino do mundo. Reduzido ao essencial de ajuste e cronometragem, o relógio se conecta automaticamente até duas vezes por dia à rede GPS para manter sua precisão de um segundo a cada 100.000 anos (sim, isso mesmo!) e, quando for necessário, o ajuste de fuso horário também pode ser feito com um simples toque no botão, o que ocasionará uma adequação extremamente rápida e independente dos ponteiros (!).

Seiko Astron GPS Solar 50th Anniversary LE. Foto: divulgação Seiko.

O relógio ainda possui calendário perpétuo até o ano de 2100, indicador de recepção de sinal GPS, função de economia de energia, além de uma bela pulseira em couro de crocodilo e fecho triplo em ouro amarelo 18 K com liberação por botão. O fato de haver tanta tecnologia embarcada em uma peça tão clássica e tão pouco espessa me agrada muito.

Seiko Astron GPS Solar 50th Anniversary LE. Foto: divultação Seiko.

Esta será uma edição extremamente limitada de apenas 50 relógios e está prevista para ser lançada em dezembro de 2019 por um valor estimado de € 38.000. Um quartz como este certamente tem lugar cativo em qualquer coleção. Não deixe de assinar nossas notificações por e-mail, de se inscrever em nosso canal no YouTube, curtir nosso Facebook e de nos seguir no Instagram. Forte abraço!

 

 

16 comentários em “Seiko Astron 50th Anniversary Limited Edition

Adicione o seu

  1. Ótimo texto. A Seiko se fosse suíça seria reconhecida como a Rolex, omega etc. Muitos ainda torcem o nariz pra um seiko mais caro. Tem amigos que me acham doido por querer comprar (ou comprar) um Seiko pelo preço de um suíço básico.

    1. Olá João!

      Nada contra quem quer comprar suíços, cada um faz o que quer com o dinheiro, mas a maioria das marcas suíças de hoje terceirizam grande parte de seus relógios. O coração do relógio, a máquina, eles não desenvolvem, compram tudo pronto, só estampam a marca no mostrador e dizem estar tudo bem.

      A questão é que a grande maioria não vale o que é cobrado, simplesmente imprime Swiss Made e cobram valor de algo artesanal que não é artesanal e na maioria dos casos nem é feito pela empresa mesmo.

      Na Suíça somente a Rolex fábrica todos os componentes de seus relógios como a Seiko faz. Não digo que seja necessário fabricar todos os componentes de seus relógios como essas duas empresas, mas não desenvolver nem um calibre básico para seus relógios é mta falta de empenho e dedicação ao seu negócio.
      Ter que comprar máquina do Swatch Group, caixa, fundo, ponteiros, cristal e mostrador fabricados por terceiros, poxa, o que essas empresas de entrada realmente fazem? Montam e olhe lá.

      Outras intermediárias ainda fazem algumas coisas. É um assunto delicado que me leva a refletir sobre a essência desses itens. Já prometi um artigo sobre o tema algumas vezes, ele está praticamente pronto, faltando algumas revisões para me assegurar de não magoar ninguém, vivemos uma era de muitos mimados e delicados rsss, minha intenção não é ofendê-los.

      1. Concordo, Ramon. Fui argumentar com um amigo o porque de eu preferir um Seiko presage a um suíço qualquer de entrada, mas ele não quis entender kkk
        Pra ele não importa o histórico da seiko, a inovação do quartz, a linha grand seiko, os mostradores magníficos, o preço muito abaixo dos concorrentes, a fabricação de todos os componentes in house, etc. Não adianta nem fazer um comparativo técnico (cristal, precisão, qualidade de pulseira, etc).
        Gosto de alguns suíços, mas me nego a pagar o que pedem.
        Abraço!

      2. O melhor é realmente não discutir, mas às vezes não tem jeito né rsss
        Certamente existem relógios suíços belíssimos e extremamente importantes no mundo da horologia, porém também há péssimos exemplares que navegam na onda dos grandes, ai vai do julgamento de cada um.

  2. Ramon, mais uma coisa, sem querer abusar do seu conhecimento: sabe dizer por que o srpa1x é o único presage sem o nome “presage” no mostrador?

    1. Acredito que tenha havido algum engano meu amigo, existem outros modelos como SRPB41, SRPC97, SRPD37, SJE073, SARA015 e etc. Dê uma olhada 👍

      1. Prezado, Ramon. Novamente, sem querer abusar da sua boa vontade e tempo, verifiquei que todos os modelos que você indicou têm sim o nome “presage” inscrito no mostrador do relógio. O único que não tem tal inscrição são os modelos srpa13j1. Olhei no próprio site seiko.com.
        Se eu estiver errado, peço desculpas.
        Minha curiosidade se dará por que amanhã fecho compra do modelo supracitado e bateu uma curiosidade.

      2. Peço desculpas pelo meu erro João, estou ao celular e compreendi mal a sua pergunta, pensei que estava em dúvida quanto à existência de outros modelos COM a inscrição Presage.

        Sem a inscrição Presage não existe apenas o SRPA13, temos também SARW011, SARD011, SPB039, SPB041, dentre outros.

        Apesar de pessoalmente gostar da gravação Presage, um mostrador limpo tem seu lugar e essa costuma ser a razão para ocultação de gravações.

        Abraço meu amigo e agradeço a compreensão.

      3. Ramon, obrigado pela resposta. Realmente há alguns poucos modelos sem o nome presage no mostrador. Na linha atual apenas os modelos srpa13, srp691 e srp693 não tem esse detalhe. Achei curioso.
        Abraço

      4. São relógios de mostradores com características bem clean, acredito que tenha sido exatamente essa a razão da ausência do “Presage”, porém nada oficial. Boa sorte na conclusão do negócio!

  3. Olá, Ramon, tudo bem? Estou impressionado com essa precisão!! A Seiko botando vários suíços no bolso.
    Parabéns pelo artigo! Abraço.

  4. Maravilhoso esse relógio! Com certeza é uma peça histórica e que deveria mesmo figurar nas melhores coleções!
    Excelente artigo, como sempre. Abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑