Movimentos: como funcionam os relógios Seiko Kinetic?

Última atualização: 16/12/19.

Dando sequência aos nossos artigos que tratam dos tipos de movimentos que equipam os relógios Seiko, hoje abordaremos o sistema de transferência de energia cinética, ou simplesmente Kinetic.

Esse sistema foi apresentado pela primeira vez em 1986 sob o nome provisório de AGS (Automatic Generating System ou Sistema de Geração Automática) e se tratava de um mecanismo misto, híbrido do sistema mecânico com o sistema a quartzo.

Seiko AGS Scubamaster “Stingray”. Foto: flickr.com/photos/barrynuttall.

Desde 1969, quando a Seiko lançou o primeiro relógio de pulso a quartzo do mundo (história completa aqui), essa tecnologia vem sendo aperfeiçoada e todo um esforço desprendido no sentido de estender a vida útil da controversa bateria.

A resposta para essas questões foi a criação de um mecanismo que possui uma massa oscilante, assim como os relógios mecânicos, mas que, ao girar, transforma a energia cinética em energia elétrica e a armazena em um capacitor ou bateria recarregável por até seis meses.

Seiko Kinetic SKA743. Foto: divulgação Seiko.

Dessa forma o uso esporádico é capaz de carregar o capacitor e dispensar a troca quase anual da bateria exigida pelos relógios a quartzo. De maneira geral o capacitor é trocado após até 20 anos de uso, um prazo bem longo e que tem uma importante representatividade ambiental, já que reduz drasticamente o descarte de baterias na natureza.

Esse sistema passou de AGS para Kinetic e se mostrou capaz de unir a precisão dos movimentos a quartzo com a baixa manutenção dos relógios mecânicos. O resultado só poderia ser um, quase nove milhões de unidades vendidas desde seu lançamento, sucesso absoluto.

Seiko Prospex Kinetic GMT SUN049. Foto: divulgação Seiko.

Seiko Auto-Relay:

Outro grande salto tecnológico foi divulgado pela Seiko no ano de 1998 ao apresentar o chamado Kinetic Auto-Relay para alguns de seus calibres. Trata-se de um sistema que estendeu a carga do capacitor para até 4 anos de autonomia.  Com o Auto-Relay o relógio, quando não está em uso, funciona normalmente por até seis meses com a carga completa e depois entra em uma espécie de “hibernação” por até 4 anos. Após o início da hibernação o calendário continua a funcionar, porém os ponteiros ficam parados de forma a conservar energia até que o relógio seja novamente utilizado, momento em que as horas se ajustarão automaticamente e o mostrador exibirá o horário correto.

Seiko Premier Kinetic Perpetual Calendar SNP146 “Novak Djokovic”. Foto: divulgação Seiko.

Seiko Direct Drive:

A tecnologia Direct Drive foi adicionada a alguns modelos Kinetic. Esse sistema pode ser comparado, guardadas as devidas proporções, aos sistemas de encordoamento dos relógios mecânicos manuais – os tais relógios a corda.

Com o Direct Drive o usuário ganha mais autonomia ao poder gerar energia ao girar a coroa do relógio, assim, passa a ter uma segunda forma de carregar o capacitor, através do movimento do relógio (rotor) e do girar da coroa. É um sistema bastante útil, especialmente quando o usuário já acumula certa quantidade de relógios e não usa tanto um mesmo modelo.

Seiko Kinetic Calibre 5M62. Foto: cliniquehorlogere.ch.

O sistema Kinetic vem se popularizando por representar o melhor dos dois mundos ao dispensar os ajustes quase diários dos relógios mecânicos, carregar a precisão dos modelos a quartzo, descartar a irritante troca sistêmica de baterias e ainda demonstrar uma relevante preocupação ambiental. É um sistema que veio para ficar.

E você tem ou teria algum Seiko Kinetic? Não deixe de assinar nossas notificações por e-mail, de se inscrever em nosso canal no YouTube, curtir nosso Facebook e de nos seguir no Instagram. Forte abraço!

 

14 comentários em “Movimentos: como funcionam os relógios Seiko Kinetic?

Adicione o seu

    1. Olá Carlos! Tudo bom meu amigo? O Auto Relay surgiu em 1998, contudo não foi utilizado em todos os Seiko Kinetic. Os relógios que possuem essa função trazem a expressão “Auto Relay” estampada no mostrador. Revendo o artigo posso ter deixado essa parte do texto um pouco ambígua, vou reparar. Obrigado e forte abraço!

      1. Boa tarde, Ramon, tudo bem? Obrigado pela pronta resposta. Talvez adquira um SUN049P2 ou SUN061P1 para “diferenciar” um pouco dos automáticos. Estou encontrando por volta de US$ 209.00, um preço bem acessível, comparado aos Turtles e Samurais, não é? Grande abraço.

      2. São duas belas opções meu amigo!
        Uso com frequência aquele Kinetic Diver’s de 1995, especialmente para pilotar minha moto. São excelentes relógios e quase não precisam de manutenção, troquei o capacitor e o cristal há uns seis anos, deve funcionar ao menos por mais dez. Abraço!

  1. OS condensadores dos kinetic sao muito caros e nao duram o que a marca diz durar. E para encontrar tb nao e fácil.

    Prefiro mil vezes usar um relógio antigo que sei que é bom, e bem tratadinho, do que usar um kinetic.Num relógio bom as baterias duram bastante tempo e ate sao baratinhas.

    1. Compreendo sua posição Sintra, um relógio vintage com boas histórias tem seu lugar garantido na coleção de praticamente qualquer pessoa.

      Acredito que esse “condensador” mencionado por você seja o capacitor, estou correto? Sua impressão infelizmente está equivocada, se tratado da forma como vem recomendado no manual, tomando os cuidados básicos, seu capacitor durará algo entre 18 e 22 anos, tornando-o mais em conta que as baterias anuais dos modelos a quartzo.

      A primeira bateria costuma durar até cinco anos, é verdade, mas as demais dificilmente ultrapassam 15 meses, isso sendo boas e originais. Se seu relógio for um modelo mais simples, de bateria mais barata, gastará entre vinte e trinta reais aproximadamente uma vez por ano, em dez anos terá desembolsado algo próximo dos trezentos reais, fora o tempo despendido, combustível e às vezes até estacionamento para realizar a trocar, é um tipo de serviço realmente chato. Além disso tem o risco da bateria estourar e a questão ambiental do descarte na natureza.

      Tenho um Kinetic desde 1995 (único dono) e troquei o capacitor em 2016, embora já estivesse um pouco fraco desde 2014. O preço? R$ 85,00 com frete incluso via eBay (no ML estava por R$ 145,00), chegou após dois meses e nem a instalação me cobraram (R$ 50,00) por sempre executar serviços nesse relojoeiro.

      Veja, valeu muito a pena tanto economicamente quanto ambientalmente, fora o ganho de tempo ao longo de 21 anos sem passar pela amolação de precisar do relógio e perceber que seria necessário trocar as pilhas – quase anualmente. Esse modelo convencional a bateria será substituído aos poucos pelos movimentos solares e do tipo Kinetic, é o futuro.

      Se colocar na ponta do lápis facilmente verá que o Kinetic é mais interessante, embora não precise, necessariamente, deixar de lado seu relógio “antigo” com todo o apelo emocional que possui, para adquirir outros.

      Abraço!

  2. Bom dia Ramon! Tudo bem?
    Esse seu Kinetic que vc se refere acima é o 5M23 Pepsi?
    Se sim poderia, brevemente, dizer o que acha desse mecanismo? Especialmente se está ultrapassado em face dos Kinetics atuais. Tenho receio de comprar um Kinetic Vintage e não achar mais o capacitor para determinado modelo, pois não se é o mesmo até os dias de hoje, reduzindo a vida útil do relógio.
    Estava vendo uns Landmasters equipados com o 5M23, os achei muito bonitos, parecem ser robustos e muito bem construídos. Na descrição de um anúncio de um deles, diz que é antimagnético. Se for isso mesmo, podemos afirmar que todo 5M23 é antimagnético ou isso varia de relógio para relógio?

    1. Olá Hector! Tudo bem?
      Sim, estou me referindo a esse relógio mesmo, Seiko Kinetic Diver’s 5M23-6B55.
      Os calibres mais modernos não se diferem tanto desses de meados dos anos 90, porém, sem dúvida, trazem algumas melhorias, mas a principal melhoria foi na evolução do próprio capacitor, inclusive nas peças de reposição do 5M23 (dentre outros).
      O capacitor também não deve deixar de ser produzido tão cedo, a Seiko tem dessas coisas. Por exemplo, o capacitor do 5M23 é o de referência 30235MZ, acabei de olhar no ML e tem um anúncio vendendo a R$ 119,00 com 41 unidades vendidas, no site de uma fornitura do Paraná achei por R$ 79,00 e não levei 15 segundos na pesquisa.
      Interessante você tocar no assunto do magnetismo, pois este será o tema do nosso próximo artigo sobre cuidados e manutenções, mas adiantando um pouco, a grande maioria dos relógios atuais possui algum nível de resistência ao magnetismo, explicarei melhor daqui a dois dias rss.
      Se você encontrou um exemplar em bom estado e gostou do relógio, não vejo motivo para declinar da compra.
      Abraço!

  3. Tudo certo Ramon!
    Obrigado por sanar minha dúvida!
    Que legal, quero ler o quanto antes sobre esse tema sobre o magnetismo. Tem um relógio que vi outro dia, era quartz com a inscrição “Rail Road Approved”. Li certa vez que o relógio possuía uma resistência maior ao magnetismo, pois seria destinado aos ferroviários. Mas não me aprofundei e não sei se é verídica essa versão.
    Eu vi um 5M23-6B55 no próprio ML. Acredito que seja bem parecido com o seu. Estou refletindo a respeito pois preciso me desfazer de alguns relógios da minha coleção para que outros possam entrar.
    E achei bem legal os Landmasters, mas esses vi à venda no exterior com preços que beiram os USD 400. Estou estudando mais sobre os relógios que pretendo comprar para não me arrepender depois, e o SeikoPhd está sendo uma importante fonte de conhecimentos.

    1. Que ótimo Hector! Fico muito feliz de saber que o Seiko PhD está sendo útil para você meu amigo, precisando de algo continuo à disposição.

      Os Landmasters realmente não estão baratos, tem que pensar bem, pois na faixa dos USD 400 você tem muuuuitas opções bem interessantes. Abraço!

  4. Oi Ramon!
    Tudo bem meu amigo?
    Comprei um 5m23-6b55, muito bonito o relógio! Gostei do formato e o tamanho lug to lug se amoldou bem ao meu pulso!
    Porém, o ponteiro dos segundos apenas se move após “chocalhar” o relógio, mas depois de alguns segundos funcionando com aparente regularidade o ponteiro começa a acelerar/pular em 2 em 2 segundos. Isso quer dizer que o capacitor está ruim e precisa ser trocado ou pode ser outro problema?
    Agradeço mais uma vez pelo auxílio.
    Um grande abraço!

    1. Parabéns pela aquisição Hector!
      Espero que aproveite esse relógio o tanto que venho aproveitando o meu.
      O segundeiro começa a saltar de dois em dois segundos para te avisar que a reserva de energia está baixa, é uma forma de dizer que o capacitor precisar ser carregado.
      O ideal seria colocá-lo em um enrolador automático e deixar carregar bastante, caso não tenha sugiro utilizar o relógio em um dia que for caminhar ou correr, assim conseguirá uma carga maior e poderá ter ideia se o capacitor está ou não retendo carga. Se não estiver retendo carga é hora de substituí-lo. Veio com a pulseira jubileu original?
      Sempre à disposição meu amigo.
      Abraço!

      1. Obrigado Ramon!
        Veio sim. Mas o antigo dono deu uma chamuscada na pulseira para tirar os riscos que o incomodavam! Fora isso o relógio parece estar todo original!
        Corrija-me se estiver equivocado, por favor. Esse modelo 5M23-6B55 somente foi produzido no Brasil (ZFM)? Porque estava pesquisando na web antes de adquiri-lo e só achei o 5M23-6B50. Pelo que notei, as diferenças são as inscrições contidas na parte inferior do mostrador (entre os marcadores das 5h e 6h) e o Bezel no modelo 6B55 não tem aquela bolinha no triangulo, enquanto que no 6B50 tem.
        Um grande abraço!

      2. Também existem 6B50 sem o lume no bezel como neste anúncio: https://www.catawiki.com/l/23138933-seiko-pepsi-vintage-kinetic-diver-5m23-6b50-men-1980-1989.

        A questão do 5M23-6B55 é realmente interessante, pois ele é relativamente incomum lá fora e nunca vi um modelo sem a gravação da ZFM, por outro lado acho difícil terem construído esse relógio somente aqui, mas não impossível.

        Vou fazer uma pesquisa nesse sentido, foi curiosa sua percepção. Caso descubra mais alguma coisa poste aqui. Abraço e parabéns pelo relógio!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie um site ou blog no WordPress.com

Acima ↑